ACESSE AQUI INFORMAÇÕES SOBRE O MEU TRABALHO E SESSÕES DE ATENDIMENTO TERAPÊUTICO

Mostrando postagens com marcador Aceitação. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Aceitação. Mostrar todas as postagens

Despertar e Expansão da Consciência XV / Bem-estar através da Consciência









Despertar e Expansão da Consciência XV



Autoestima



Esse é um dos pontos mais difíceis para a maioria das pessoas.


Uma coisa é a teoria e outra coisa é a prática.


Como o meu avô dizia:

'uma coisa é uma coisa e
outra coisa é outra coisa'... rs...

Então, já há muita teoria,

vamos para a prática!

A autoestima é uma construção,

onde você mesmo coloca tijolo por tijolo
e vai se auto construindo,
ou uma flor interior,
que você tem que cuidar e regar todos os dias
para crescer, ficar viçosa e vibrante.

Há, também, como tudo na vida,

a parte negativa ou o outro lado, onde
os tijolos mal alinhados ou assentados,
que desmoronam
se não forem colocados adequadamente, e
também, as ervas daninhas no vaso da flor,
que precisam de tempos em tempos serem arrancadas
e feita adubação correta para o crescimento da flor.

E como fazer a massa desse cimento

para assentar bem os tijolos ou
a adubação da terra com bons nutrientes
para o crescimento da flor?

Com três ingredientes básicos:

aceitação, acolhimento e auto apreciação
de quem é você,
exatamente do jeito que se é.

Então, vamos arregaçar as mangas e mãos à obra,
para a construção da sua autoestima
com amor, respeito, alegria, paz, sabedoria,
felicidade, e tudo de muito bom que a vida tem para oferecer.

Um exercício bem simples,

embora complexo,
para quem está nesse caminho de construção da autoestima
e na melhor versão 'espelho, espelho meu', é:
se olhar todos os dias no espelho,
olhando 'olho no olho',
e dizer para si mesmo(a) palavras
ou frases construtivas e positivas.

Comece com algo mais simples e fácil, por exemplo,

(Diga Seu Nome), tenha um excelente dia!

Depois, com o tempo altere a frase para:

(Diga Seu Nome), como você está lindo(a),
alegre, de bem com a vida hoje!

E outras, conforme forem vindo à sua mente.


E, por último, a mais difícil de todas:

(Diga Seu Nome) com Amor no Coração
e um Sorriso nos Lábios e
pronuncie: Eu te Amo (Diga Seu Nome)!

Viva com autoestima!


Viva com consciência!



Estou à disposição para atender você.




TERAPEUTA DE FREQUÊNCIA VIBRACIONAL







+55 (11) 9-6431-1500 Tm / WhatsApp




Com carinho,
Sandrah




Reflexão e Consciência para vibrar no mundo com Autoestima













"Longa é a viagem rumo a si próprio e
inesperada a sua descoberta."

Thomas Mann




"Você não pode ensinar nada a um homem,
você pode apenas 
ajudá-lo a encontrar a resposta 
dentro dele mesmo."

Galileu Galilei





****************************************************


REFLEXÃO E CONSCIÊNCIA PARA
VIBRAR NO MUNDO COM AUTOESTIMA





 O trabalho interior da autoestima
proporciona a nossa auto-expressão
e, com isso, seguimos pela vida
em constante descoberta
e para a nossa evolução. 


Você pode estar vibrando no mundo com

problemas de confiança ou baixa-estima
e estas queixas podem estar reverberando
falta de sucesso na sua vida pessoal ou profissional.


Ou, você pode estar vibrando no mundo com

boas expectativas
o que, consequentemente,
proporcionará sucesso para você.


Vamos começar com o que é autoestima?



A autoestima é entendida como uma força interior
que é a referência ao conhecimento e
também ao autoconceito que temos de nós mesmos.

Isso, por si só já nos traz uma informação importante:

quanto mais você se autoconhecer
mais terá condições de fazer autotransformações
que, consequentemente,
irão afetar suas reações nos relacionamentos
e nos acontecimentos da vida diária.


A autoestima pode ser considerada

como um sentimento de juízo,
um sentimento de apreciação,
um sentimento de valorização,
e, também um sentimento de satisfação
que você tem de si mesmo(a) e
que são expressos pelas atitudes para consigo mesmo(a).


Agora, vamos adiantar uns passos sobre

a diferença entre baixa autoestima
e vitimização,
ou síndrome do coitadinho de mim,
ou de pessoas que se usam desse argumento
para manipular as pessoas no em torno,
seja na vida pessoal ou profissional.


Quem conhece ou já conheceu

um 'coitadinho(a) de carteirinha'?

É aquela pessoa que se faz de vítima,
que fica presa em algum pensamento ou sentimento do passado,
ou também em alguma situação do passado,
sem, entretanto,
conseguir extrair dessa situação algo de positivo,
algum ensinamento,
algum aprendizado.

Sim, porque tudo, absolutamente tudo na vida
é um aprendizado e
quando você consegue tirar 'leite de pedra'
ou de uma situação ruim ou triste
consegue de 'um limão fazer uma limonada'
você está evoluindo,
transformando 'uma pedra no sapato' ou
'várias pedras pelo caminho',
na construção de um caminho para uma vida melhor.






Responda algumas perguntas com consciência:


* Você tem confiança na sua capacidade

para pensar por si mesmo(a),
sem o que sua mãe disse quando você era criança
ou o que o seu pai fez quando você ainda estava na infância
e enfrentar hoje, com sabedoria, os desafios da vida?


* Você não consegue se libertar

daquela dor da infância,
seja de algo que foi dito ou feito,
e preferiu 'vestir' o papel de vítima?


 * Você tem confiança no seu direito Divino de ser feliz,

na sensação de ser merecedor, de ser digno(a),
e só isso já o(a) qualifica para expressar
com amor e alegria as suas necessidades e desejos e
poder desfrutar dos resultados de seus esforços?


 * Você tem por si mesmo(a)

o sentimento de competência pessoal e
o sentimento de valor pessoal,
ou seja, a soma da autoconfiança com o auto respeito?


* Você vibra no mundo

com o sentimento de ser amado(a) e
o sentimento de ser capaz?


* Você consegue determinar numa escala de zero a 100%
quanto de confiança em si mesmo(a) possui?


* Você é capaz de pegar uma folha de papel agora

e escrever no mínimo 100 qualidades ou
adjetivos positivos sobre você?
Experimente!
Esta é, sem dúvida, uma experiência
reveladora e de autotransformação.



* Você deposita a 'culpa' da sua falta de autoestima
nas relações com as outras pessoas?


* Você é capaz de expressar autoestima por si mesmo(a),
sem nomear outra pessoa qualquer
(pai, mãe, filho(a), irmã(o), professor,
cônjuge, patrão, chefe, sócio(a), etc)
como culpada(o) por você não possuir
ou expressar essa autoestima?




Observe que a autoestima se desenvolve

em paralelo ao amadurecimento,
seja através das relações afetivas
estabelecidas com as figuras parentais
(pai e mãe, avô e avó, irmã e irmão, tio e tia, etc)
ou com as figuras que realizam ou realizaram tais funções.


As primeiras contribuições estão

na formação da imagem corporal e
da sua identidade e individualidade como pessoa,
que são fatores essenciais
para a constituição do processo de diferenciação
de todo o ser humano.


Podemos observar também

a indiferenciação e a dependência.

O que é isso?

Como é que se percebe isso?



É quando a pessoa

tem dificuldade de diferenciar-se do 'outro'
e notar o quanto é dependente deste vínculo,
só percebendo-se enquanto indivíduo
à semelhança e 'espelho' deste 'outro'.

O nosso amadurecimento emocional como indivíduos
ocorre de maneira lenta, gradativa e não tem uma regra,
e, também não é tão simples
quanto o corte físico do cordão umbilical,
entre a mãe e o bebê no momento do nascimento
pois o bebê necessita de um 'outro' ser humano
que satisfaça suas necessidades,
visto que é altamente dependente nos primeiros anos de vida
para se alimentar, para ser agasalhado e cuidado.

Essa relação que ocorre nos primeiros anos de vida

e que é estabelecida com o 'outro'
possui códigos e símbolos
que facilitam com que o bebê crie a ilusão
de que este 'outro' estará sempre ao seu lado,
gerando um sentimento de segurança.

No entanto, com o passar dos anos

e o amadurecimento e a passagem das fases da vida,
infância, adolescência, fase adulta e velhice,
se faz necessário o desligamento gradual e
emocional da criança em relação à figura materna,
ou de quem assumiu esse papel,
em direção a diferenciação do próprio 'eu'.
A figura paterna é essencial
neste processo de identidade,
auxiliando no desligamento entre mãe e filho.

Observa-se que quanto mais baixo o nível de diferenciação

mais forte é o apego emocional não resolvido dos pais e
mais intenso são os mecanismos destinados
a controlar a indiferenciação.

O ideal nesse processo de ajuda

com relação à formação da autoestima
é, portanto, a individuação ou a diferenciação do 'eu',
aumentando, assim, seu grau de autonomia e confiança.

 O processo de identidade está completo

quando você tem consciência de quem é,
tem conhecimento do que pensa, sente e como age.

 Você é uma unidade, integrado(a),

consciente de si, de seus pensamentos,
de suas emoções e também de suas ações.



A aceitação que temos de nós mesmos,

incluindo o nosso corpo,
está direta e proporcionalmente ligada,
à visão que temos do mundo,
ou de como realizamos nossas ações durante a vida,
conforme o nosso estado de espírito.





Os três passos importantes
para o resgate da autoestima são:

* confiar mais em si mesmo(a),

* reconhecer a si mesmo(a) como uma pessoa única e especial, e

* aceitar-se a si mesmo(a)
exatamente como foi no passado e é no momento, no presente,
vislumbrando que isso possibilita
crescer e evoluir de agora em diante, no futuro.




Lembre-se de que sempre é tempo

- tenha você 15, 30, 50, 60 ou 80 anos -
e uma oportunidade sensacional
de reavaliar e reconstruir
uma imagem mais integrada de si mesmo(a)!


O trabalho interior com a autoestima,
através do autoconhecimento,
auxilia que você lide melhor com suas dificuldades referentes:
ao seu potencial,
ao seu valor próprio,
às suas capacidades,
aos seus talentos e
às suas habilidades.


Com isso você é capaz de ressignificar

as mensagens de inferioridade e
os conceitos negativos
obtidos durante o seu desenvolvimento,
passando a acreditar e reconhecer o seu valor
e, como consequência desta experiência de integração,
você revê a criança que foi,
seu passado, sua infância, sua adolescência, etc.
passando a aprender, aceitar e gostar de si mesmo,
sabendo que a qualidade de seu interior
influencia, transforma e reverbera no mundo exterior.

O que está fora é um reflexo do que está dentro.

Simples assim.



Viva o novo você!



Viva Você!


Fique em paz!



Seja feliz!





Por Sandrah Belleza Novelli






Acesse também:






Reflexão e Consciência 
de nossa Luz e de nossa Sombra








Reflexão para intensificar a Consciência
de nossa Luz e de nossa Sombra








Reflexão e Consciência para praticar o Desapego








Reflexão e Consciência
para curar Traumas de Infância








Reflexão e Consciência para compreender
Imaginação e Realidade no Cérebro








Reflexão e Consciência para reavaliar a Culpa








Reflexão e Consciência para compreender
a sua Percepção da Linha do Tempo:
Passado, Presente e Futuro








Reflexão e Consciência para Se Libertar do Controle
e de Querer Controlar








Reflexão e Consciência
para identificar os Arquétipos em Você








Reflexão e Consciência
para identificar os Múltiplos tipos de Inteligência








Reflexão e Consciência para
transformar a Inveja








Reflexão e Consciência para equilibrar Luz e Sombra
 nos Desafios e Oportunidades da Vida








Reflexão e Consciência para Autoestima








Reflexão e Consciência para curar Depressão








Reflexão e Consciência
para conhecer a sua Sombra e
trilhar o Caminho de Transformação








Reflexão e Consciência para transformar
Pensamento Negativo em Pensamento Positivo








Reflexão e Consciência para exercitar
a Calma e a Paciência








Reflexão e Consciência para fazer conexão
 com a Frequência Vibracional da Gratidão








Reflexão e Consciência
para encontrar o Amor da sua Vida








Reflexão e Consciência
para Sustentabilidade do Ser Integral








Reflexão e Consciência
para usufruir de Qualidade de Vida








Reflexão e Consciência para escolher
entre o Medo e o Amor








Reflexão e Consciência
para programar mentalmente o seu Dia de Amanhã








Reflexão e Consciência
para transformar o Medo
em algo positivo para você








Reflexão e Consciência
para Ser e Estar Humano nesta Existência








Reflexão e Consciência
para programar mentalmente
o seu Dia de Amanhã








Reflexão e Consciência
para fazer conexão com a Compaixão






Reflexão e Consciência para apreciar e
viver inspirado pelo Ritmo da Natureza








Reflexão e Consciência
para acessar o Templo Interior




http://www.sandrahbellezanovelli.com/2015/05/reflexao-e-consciencia-para-acessar-o.html




Reflexão e Consciência

para equilíbrio entre Razão e Emoção,
Cérebro e Coração



http://www.sandrahbellezanovelli.com/2015/07/reflexao-e-consciencia-para-equilibrio.html










TERAPEUTA DE FREQUÊNCIA VIBRACIONAL






 +55 (11) 964-311-500 Tim / WhatsApp 



 Estou à disposição para atender você! 

 Aguardo o seu contato. 

 Com carinho,
Sandrah





Reflexão e Consciência para praticar o Desapego












"Se você tem um pássaro deixe-o voar,
se ele voltar é porque é seu,
se não voltar é porque nunca foi."

Antoine de Saint Exupéry



"Sou apego pelo que vale a pena 
e desapego pelo que não quer valer."

Clarice Lispector



"Afinal, se coisas boas se vão 
é para que coisas melhores possam vir. 
Esqueça o passado, desapego é o segredo."

Fernando Pessoa



"Se gostamos de alguma coisa, 
se a queremos e não podemos tê-la, 
nós sofremos. 
Se a queremos, 
a obtemos e depois a perdemos, 
nós sofremos. 
Se não a queremos, 
mas não conseguimos mantê-las afastadas, 
novamente sofremos."

Chagdud Tulku Rinpoche








*********************************************

REFLEXÃO E CONSCIÊNCIA
PARA PRATICAR O DESAPEGO





O que é o apego?

O apego é aquela ligação ou vínculo emocional
que fazemos com pessoas, 
com objetos, 
com ideias
e até com sentimentos.



Possuir objetos, 
ter vínculo com pessoas,
ter uma ideia fixa a respeito de algo ou alguém,
não observar com clareza os próprios sentimentos
 não é o problema...


O problema é quando colocamos
nos objetos, nas pessoas e nas ideias 
a responsabilidade pela nossa felicidade.



Estamos acostumados a colocar nossa felicidade
em bases externas e instáveis e, por isso, sofremos.



Esta é uma das maiores ilusões 
que o ego nos proporciona,
nos fazer acreditar que nossa única 
chance de felicidade
se encontra:

* em uma pessoa,

* em um objeto,

* em uma ideia,

* ou até mesmo em um sentimento.




 E essa dependência passa a ser,
então, 
fonte de grande sofrimento e ansiedade.


Solte!


Solte o velho, para deixar vir o novo em sua vida.



A base para a felicidade é interna e estável
e você pode acessar em seu interior,
construir, reconstruir ou reinventar,
só depende de você.


Todos nós vivenciamos a dependência dos pais
para garantir nosso conforto 
no início de nossa vida. 

A memória que temos de alimento, calor e aconchego, 
teve uma fonte exterior a nós.

E o sentimento de alegria, 
prazer e preenchimento 
que sentimos nestes momentos, 
acabou por ficar fortemente associado 
a esta fonte externa.


Então,
não é de se admirar 
que passemos então a esperar 
que uma pessoa,
que um objeto
ou que uma ideia
ou um sentimento,
mesmo que ruim e desconfortável,
mas que estamos acostumados
- como medo, sofrimento, dependência, culpa - 
preencham 
as nossas carências e necessidades afetivas.


Solte! Desapegue!


Uma parceria harmoniosa
torna a existência muito mais leve,
e nos ajuda a encarar a vida diária
com outra disposição,
entretanto,
não faz desaparecer milagrosamente
os desafios pelos quais temos que passar
para o nosso crescimento e evolução pessoal,
porque esse processo é individual e
você terá que passar por si mesmo(a).

E enfrentá-los com equilíbrio e serenidade 
depende fundamentalmente 
de nossa força interior.


A nossa força e equilíbrio interior
é que nos dão suporte 
para mantermos intacta 
a nossa capacidade de sentir prazer 
e usufruir a vida, 
estejamos sozinhos ou em um relacionamento,
tenhamos ou não aquele objeto do desejo,
nos apeguemos ou não a uma ideia ou
nos apeguemos a um sentimento.




Essa reflexão, através da Consciência,
nos auxilia na compreensão de
nos mantermos em harmonia com nossa Essência, 
mais serenos e em equilíbrio com nosso Eu,
entendendo que:

* cada pessoa que está 
ou passa pela nossa vida nos traz um aprendizado,

* acumular objetos 
é uma fonte de satisfação momentânea,

* nos apegarmos a uma ideia fixa
não nos abre outras alternativas,

* ficarmos ligados em acontecimentos 
ou fatos do passado nos impede de buscarmos algo novo,

* ligações perigosas com sentimentos 
mal trabalhados em nós como:
medo,
sofrimento,
dependência ou
culpa
nos coloca em um ciclo vicioso,
e nos impossibilita alterar a polaridade para:
coragem,
leveza ou
entendimento.




Reflita sobre isso:

* doe o que não é mais útil para você,

* jogue no lixo o que não serve mais para você 
e nem para outra pessoa,

* recicle o que tem potencial,

* renove o que você tem com criatividade,

* reorganize sua casa e seu escritório,

* reflita, reorganize e renove as suas ideias,


* reflita sobre hábitos, costumes e vícios:

de sofrer, de brigar, de discutir, de xingar, etc.,

* reflita sobre a maneira com que você trata as pessoas,

sobre a forma que você consome, mantém e acumula objetos,
sobre ideias antigas e inúteis que ainda povoam a sua mente,
sobre sentimentos antigos que já não fazem mais sentido,

* reflita, reorganize e renove:

seus pensamentos,
e, sobretudo,
os seus sentimentos,

* renove a sua vida!




Solte... Desapegue...


Solte! Desapegue!





Quando você fica muito grudado(a)
em um pensamento, uma ideia,
um objeto, uma pessoa,
um sentimento, uma história, etc.
você fica sustentando energeticamente isso
e, consequentemente,
não dá espaço para o novo entrar na sua vida.


Limpe não só as gavetas da cômoda,
a mesa do escritório, 
os arquivos do computador,
mas também,
as suas gavetas emocionais, mentais e espirituais,
com Consciência.


Praticar o desapego é no dia-a-dia!


Boas reflexões e depois mãos à obra!



Por Sandrah Belleza Novelli




Acesse também:



Reflexão e Consciência de
nossa Luz e de nossa Sombra












Reflexão e Consciência
para curar Traumas de Infância












Reflexão e Consciência para equilibrar Luz e Sombra
nos Desafios e Oportunidades da Vida













Reflexão e Consciência para compreender
Imaginação e Realidade no Cérebro












Reflexão e Consciência para curar Depressão












Meditação para acessar
o Templo Interior













Reflexão e Consciência para
transformar a Inveja












Meditação para compreender 
a Impermanência












Meditação para viver e apreciar 
o Momento Presente












Meditação para seguir o
Fluxo Natural da Vida












Meditação para se libertar
de querer Controlar















TERAPEUTA DE FREQUÊNCIA VIBRACIONAL






 +55 (11) 964-311-500 Tim / WhatsApp 



 Estou à disposição para atender você! 

 Aguardo o seu contato. 

 Com carinho,
Sandrah